15.1.16

Um minuto no cinema - "O Fabuloso Destino de Amélie Polain"

AVISO: É altamente recomendado assistir o filme antes de ler o post.

Poster do filme "O Fabuloso Destino de Amélie Polain"

Filme francês, a fotografia do filme é incrível, a paleta de cores, trilha sonora eterna,  excelente atores e identificação feminina total. Solteira, vive sozinha, problema com os pais! Olha você aí!
A sacada do filme é justamente dar uma sacudida no roteiro, ao invés da pobre Amelie cuidar da própria vida ela vai em busca da realização de sonhos que não são os dela. Ou quem disse que praticar boas ações não é a realização de um sonho, em fim!
Até que em meio a tudo isso ela se apaixona, mas sua timidez não permite simplesmente chegar e se apresentar ao eleito. Outra sacada do filme, ela vai estimulando e aguçando a curiosidade do rapaz das formas mais bonitinhas e criativas.
  
"Um minuto no cinema” = Aquele momento em meio a fantasia que acontece um minuto de realidade!

Então está formada toda fantasia do filme até que a brincadeira vira realidade, identificação total feminina (só vai entender se você já assistiu), a realidade literalmente bate a sua porta, cena típica onde tudo está dando errado, acaba o fermento para o bolo e eis que o amado bate a sua porta. Mas falta coragem,  essa mesma que a fez criar todo um mundo de fantasia que acabou em choro sozinha em seu apartamento. Então uma boa alma caridosa retribui sua ajuda e lhe dá um conselho que muda o rumo da história... é agora "um minuto no cinema" a perfeita hora em que percebe que todo jogo de conquista funcionou e então parte em busca do amor. Daí por diante todo resto é delicadeza!! Aí aí um minuto para o suspiro... e olha você querendo bancar a Amelie, mas tem medo de parecer ridícula. Cada um joga com que tem até os tímidos!


 Trecho do Filme "O Fabuloso Destino de Amélie Polain"

Infelizmente a legenda está em Francês, mas a imagem diz tudo!

P.S. Pausa para a forma como foi apresentada a fotografia (digo fotografia papel), foi por isso que comprei o filme no meu primeiro ano de faculdade e por coincidência ou não o primeiro DVD que comprei na vida!